Destaque Para Sempre Bebé!

Para sempre bebé – Ep. 2 – Três meses, um feitiozinho torto e muita vida!

F1080021

Desde sempre que o meu filho tinha o olhar mais meigo que eu já tinha visto!

Eu chamava-lhe “olhinhos de mel” 🙂

Praticamente ainda não segurava a cabecinha mas já estava sempre de antenas no ar – muito atento a tudo – e parecia que já queria falar (hoje comprova-se: nunca cala a matraca! Lool)

Ia ao colo de toda a gente! e toda a gente brincava com ele! Nesta foto um amigo nosso – o Filipe Afonso – fingia que lhe dava vinho tinto (e ele abria a boca a tudo!) e a prima Rita (4 anos mais velha) olhava enternecida…

Ela queria estar sempre a pegar-lhe: era como se ele fosse um bebé chorão para ela brincar. Se eu deixasse, ela vestia-o e despia-o como fazia aos bonecos, eh eh 😉

F1040033

Ele passava grande parte do tempo ao meu colo (quando não estava a comer ou a dormir – em ambas as coisas era perito). Era difícil tê-lo sossegada mais de 10 minutos na cama ou no ovo.

E eu tinha de estar sempre a falar com ele, mesmo que estivesse a fazer o jantar ou algo assim, senão começava logo a refilar e a chamar-me! F1130004F1130025

Tinha cá um feitiozinho… Às vezes parecia que tinha ataques de nervos! Eu chamava-lhes “ginetes”.

Se as coisas não estavam a correr como ele queria ficava possesso!

Como se vê pela foto! Lool!F1160017

Mas, por outro lado, também era um bebé divertido, nada comichoso, e deixava-me fazer-lhe tudo!

Eu tinha a mania de lhe pôr coisas na cabeça porque achava piada aos chapéus e fraldas que lhe tapavam a imensa Juba de cabelo.

Afinal de contas, , eu nunca soube o que era ter um bebé carequinha… e ele ficava tãooooo fofo!F1160035F1070014

Eu e o pai filmávamos as suas coisinhas à vez.

O coitadinho do bebé nem sempre sabia para qual olhar, eh eh… só disparates e muitas risadas!

Este vídeo mostra alguns exemplos disso mesmo! Adoro recordar e não me canso de ver! 🙂

 

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply