As minhas viagens

Marta Cardoso na Turquia: Multada!

file2871259939611

 

 

Dias 5 e 6

Tinham passado poucos quilómetros desde que saímos de Pamukkale a caminho de Kas.
De repente, no meio da estrada, surge uma pessoa a esbracejar vigorosamente e a fazer sinal para encostar.
Era uma operação Stop com 3 polícias:

1. Um que esbracejava no meio da estrada;

2.  Outro que estava dentro do carro;
3.  E um terceiro que passava as multas sentado numa mesa de madeira para piquenique, debaixo de uma árvore e a comer sementes tiradas diretamente de um girassol.

Tínhamos sido apanhados em excesso de velocidade: o limite era de 110 kms/h e nós íamos a 125.

Enquanto aguardávamos que nos preenchessem os papéis fiquei ali a observar o processo:

O radar estava colocado no final da descida, que é quando os carros atingem maior velocidade. Com um monitor, o polícia dentro do carro observava a velocidade de cada veículo.

Assim que algum ultrapassava o limite, ele gritava para o que estava na berma e dizia a marca, modelo e matrícula.

Esse apressava-se a saltar para o meio da estrada e fazer o que lhe competia: esbracejar!

Enquanto aguardamos o papel da multa é-nos dado a ver a repetição do vídeo em que vínhamos em excesso. Temos tempo… Afinal, passar a multa, comer sementes e cuspir as cascas para o chão, são tudo coisas que levam o seu tempo!


Mas, pelo menos, nem sinais de corrupção. Até foram simpáticos connosco e deram-nos o papel com 30 dias para ir pagar ao banco. Nada mau.

Paisagens e peixe. Finalmente!

E prosseguimos viagem para Kas. 250 quilómetros a atravessar montanha.

Paisagens difíceis de descrever…

IMG_0099

 

Mas o meu momento favorito tem sido sempre o pôr-do-sol. A Turquia tem uma luz fantástica.

 

IMG_0122

Kaputas

Faltavam poucos quilómetros para chegar quando nos deparamos (sem esperar) com uma das praias mais bonitas da Turquia: Kaputas!

Para além de bela e isolada (porque fica no meio da serra) é rara, porque é das poucas que tem areia em vez de pedras.

Encostámos logo, saimos da Van tipo doidos e descemos para dar um mergulho. Mas em 5 minutos ficou de noite. Ainda ali ficámos mais um bocadinho mas depois tivémos de sair.

 

IMG_0171

 

IMG_0174

 

Chegamos a Kas – terra à beira mar para lá das montanhas – perto das 22h.
Tínhamos fome… Largámos as malas no apartamento alugado e descemos à vila.
Estava na altura de procurar peixe, já que estávamos junto à costa. E encontrámos!

Comemos espetadas de peixe gato, filetes de peixe espada e o polvo típico da região. Uma delicia!
(Ou então éramos nós que tínhamos demasiada fome).

Mortos de cansaço, já fazíamos mil planos para explorar as praias selvagens que íamos encontrar no dia seguinte, entre Kas e Antalya.

Adeus Kas, olá praia!

Dia 7

Não tivemos tempo para conhecer Kas, o que não impediu que não passássemos por um dos pontos mais altos e registássemos a vila vista de cima. (vídeo)

 

Indicáram-nos algumas praias de referência para visitar ao longo da costa, durante a viagem até Antalya. Mas a quantidade de praias quase inexploradas e selvagens fizeram-nos parar ao longo do caminho.

 

turkia3 127

 

turkia3 132

 

turkia3 143Mar a convidar e roupa na água

Em Gokliman assentámos arraiais para comer qualquer coisa e mergulhar. O calor obrigava e a água convidava.

Estávamos deliciados com a temperatura da água e a paisagem. Só que não havia areia nesta zona. Apenas seixos, como se fossem grãos gigantes, o que faz doer os pés e limita a mobilidade.

Aqui, pela primeira vez, vi uma mulher completamente tapada a ir ao banho. (Video)

Estranhei porque a Turquia está muito mais ocidentalizada do que eu esperava: algumas mesquitas e rezas nos altifalantes, mas mulheres de burka quase não vi (ainda).
O normal são turcas que se confundem com raparigas de qualquer outra nacionalidade ou – no máximo – vestidas com jeans, ténis e um lenço na cabeça.

(Continua)

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply
    leonor miranda barata
    7 Setembro, 2015 at 15:39

    Marta!!!
    Se adoras os pores do sol na Turquia, então, imagina-os em Moçambique****:) São de ficares embasbacada com tanta beleza****:) RECOMENDO****:) Beijinhos

    • Reply
      Marta Cardoso
      10 Setembro, 2015 at 0:01

      Obrigada Leonor pela dica.
      Um dia que tenha oportunidade, não falho!
      Beijinho

    Responder a Marta Cardoso Cancel Reply